DelfosMetéoraPasseio CulturalTurismo ReligiosoUNESCO

Delfos e Metéora

Delfos e Metéora em um final de semana recarrega todas as energias da mente e do corpo! Nesse último final de semana fui para Delfos e Metéora de carro, é a terceira vez que vou a Metéora, mas nunca passando por Delfos antes. Sempre fazia separado e foi um final de semana espetacular!

Virna Lize em Delfos

Da minha casa  até Delfos são três horas de carro. Foi uma viagem maravilhosa, tudo ajudou até mesmo o clima, apesar do frio, o dia estava claro, com sol e com uma temperatura agradável em torno de 15 graus durante o dia e a noite a temperatura baixou para 4 graus!

Caminho de Delfos

Na estrada, essa  homenagem para os 125 soldados gregos mortos numa enroscada feita pelos alemães em 1944.

Araxova

Passei por Aráchova, uma cidadezinha do interior que fica  cravada numa das mais altas montanhas da Grécia Central, Parnasso. Foi em Aráchova que escolhi para almoçar após visitar Delfos e depois seguir  para uma viagem de quatro horas até Meteora.

Delfos

Delfos era o mais importante centro religioso da Grécia antiga. Entre os séculos 8 a.C. e 2 a.C., ele foi muito procurado por pessoas que supostamente recebiam previsões sobre o futuro, conselhos e orientações. A cidade de Delfos era a sede do principal templo grego, dedicado ao deus Apolo, e em cujos subterrâneos funcionava o famoso oráculo.

Delfos

O templo de Apolo, incrustado na fascinante paisagem montanhosa de Delfos, abrigava o poderoso oráculo e era o mais importante local religioso do antigo mundo grego. Os generais buscavam conselhos do oráculo a respeito de estratégias de guerra. Os colonizadores procuravam orientação antes de suas expedições para Itália, Espanha e Africa. Os cidadãos consultavam sobre investimentos e problemas de saúde. As recomendações do oráculo emergiam de forma notável nos mitos.

Delfos

O templo estava rodeado de várias capelas, chamadas de tesouros, já que guardavam os ex-votos e as oferendas das cidades-estado gregas, para comemorar vitórias dedicadas ao deus, ou para agradecer benefícios. De todos o mais importante era o Tesouro de Atenas, hoje o único restaurado, construído para comemorar a vitória na Batalha de Maratona.

Delfos

O Teatro está instalado na parte superior do complexo, oferecendo uma vista panorâmica do vale de Delfos e de todo o santuário. Data do século IV a.C, mas foi bastante remodelado com o tempo. Possui 35 fileiras de assentos e podia receber 5 mil pessoas.

Delfos

Por fim o tolo, no santuário de Atena Pronaia, foi erguido entre 380 e 360 a.C. na ordem dórica, com 20 colunas em uma planta circular de 14,7 m de diâmetro, com 10 colunas coríntias no interior. Está a cerca de 800 m do grupo principal de ruínas. Mais sobre Delfos clique Aqui.

Museu de Delfos

O primeiro museu de Delfos foi fundado pelo banqueiro e filantropo Andreas Syngros, e construído em 1903 com um projeto de Albert Tournaire, para receber o produto das escavações iniciadas por arqueólogos franceses em 1892.

Museu de Delfos

O prédio original, de duas alas, foi ampliado entre 1935 e 1936, e novamente em 1958 por Patroklos Karantinos, a fim de abrigar o acervo sempre em crescimento com novos achados. A organização da coleção foi concluída em uma primeira etapa em 1963.

Museu de Delfos

Em 1975, com a recuperação de um touro recoberto de prata e de objetos crisoelefantinos, parte do laboratório de escultura e dos depósitos foram adaptados como salas de exposição, e o museu foi ampliado novamente em 1999 para adequar-se aos modernos critérios museológicos, recebendo novos laboratórios e depósitos, uma nova fachada, um lobby, uma cafeteria e uma loja, além de remodelar completamente sua sistemática de exposição.

Museu de Delfos

O Museu se dedica à preservação dos achados do sítio arqueológico do santuário de Apolo e arredores, compreendendo elementos arquitetônicos, estatuária e objetos votivos que datam desde a Pré-história até o fim da Idade Antiga, com uma concentração em peças provenientes da época em que o templo gozava de sua maior prosperidade e influência, entre o período arcaico e a era romana.  Na foto,o par de kouroi representando possivelmente Cléobis e Bíton. Mais informações sobre esse Museu clique Aqui.

Caminho para Meteora

Depois de Delfos fui almoçar em Aráchova e segui depois para Metéora, passando pelo monte Parnasso e sua estância de ski, que estava deserta devido a falta de neves. O sábado estava terminando quando parei em um posto para tomar um café e esticar um pouco as pernas, minutos depois um lindo por do sol bem de frente onde eu estava tomando um café quente.

Meteora

Cheguei em Kalabaka, cidadezinha próxima a Metéora, a noite e a temperatura estava beirando quase três graus, estava frio e fui direto para o hotel descansar. Me hospedei bem próximo aos mosteiros e no outro dia o sol apareceu lindo e esquentou um pouco a temperatura matinal de 6 graus.

Metéora

Metéora, que em grego significa “suspenso no ar”, é hoje considerado Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco. Está situado no norte da Grécia, na planície da Tessália, nas proximidades da cidade de Kalabaka, no vale do Rio Pinios.

Metéora

Os monastérios estão empoleirados no alto das rochas cinzas , que são esculpidas pela erosão há milhares de anos numa altura que chega a 600 metroe 4 deles ainda são habitados desde o século XIV.De acordo com o site da Unesco, análises químicas sugerem que as formações rochosas ondeMetéora foi construída apareceram 60 milhões de anos atrás por meio de erosão fluvial.

Metéora

Os Mosteiros Aghios Stephanos, Aghia Triadas, Varlaam e o Grande Meteoro  ainda abrigam comunidades religiosas.Acredita se que as formações rochosas, onde os mosteiros foram construídos, de acordo com os antigos escritos cristãos ‘enviados pelo céu para a terra de pedras’ para permitir que monges pudessem se assentarem e rezarem.Os primeiros monges que habitaram Metéora  no século XI, eram eremitas que viviam em cavernas e queriam estar mais perto do criador

Metéora

Megalou Meteorou (Grande Meteoro ou Mosteiro da Transfiguração) está localizado na maior e mais longa extensão da rocha. Foi criado em 1340 por Agios Athanassios Meteoritis (1302-1380).Vale a pena ver a torre (1520), o Museu de Folclore com ferramentas e aparelhos antigos, o ossuário, a igreja de Metamorfoseos tou Sotiros ou da Transfiguração de Jesus (o santuário foi construído em 1388 e a igreja principal com o nártex em 1545) , o Santo Altar (construído em 1557 ) e a cozinha (1557, hoje é o Museu do Folclore de cobre antigo, de barro e utensílios de cozinha de madeira).

Metéora

Mosteiro Agios Stephanos(Santo Antônio) construído na primeira metade do século 15 e Santo Filoteos (meio do século 16) são ambos honrados como os fundadores deste monastério. A pequena igreja e Aghios Stefanos é uma basílica de ala única, construída em 1350. Hoje em dia, a igreja de Agios Charalampos (1798) está decorada com impressionantes trabalhos em três dimensões. O seu imponente Santo Altar é utilizado como um museu moderno com as mais impressionantes heranças da igreja: ícones do período pós-bizantino, vestes sacerdotais e telas bordadas a ouro, com finas peças de prata e  etc.

Metéora

O Mosteiro Varlaam foi habitado  pelo monge Varlaam, no século 14. A parte maior da igreja foi construída em 1542, e foi dedicada a Agios Pantes (Santo de todos). A parte principal da igreja tem muitos murais pintados pelo pintor de Tebas, Fragko Katelano em 1542. No final do século 16 e no início do século 17, o laboratório bibliografico mais organizado de Metéora se encontrava aí.

Metéora

O Mosteiro Agia Triada (Santíssima Trindade) está localizado numa íngreme rocha típica e imponente de Meteora. A pequena igreja em forma de cruz que vemos hoje em dia foi construída por volta do ano 1476.Também muito interessante é o Museu do Folclore do monastério que possui uma larga seleção de roupas antigas, aparelhos, ferramentas, e outros itens.

Metéora

O Mosteiro Roussanou foi construído em 1529 sobre as ruínas de construções mais antigas. A igreja de Metamorfoseos tou Sotiros ou da Transfiguração de Jesus foi construído cerca de 1530. As pinturas que cobrem os muros da parte principal da igreja e da nártex pertencem a Escola de Artes da Creta (de acordo com a opinião dos especialistas, pertenciam a Gorgie, aluno de Teofanos de Creta).

Metéora

Depois da visitação nos mosteiros cheguei até a essa taberna,que serve uma deliciosa comida tipica da região, para almoçar e seguir viagem para Atenas.De todas as vezes que cheguei em Metéora, a sensação é como se fosse a primeira vez.

 

Indo para casa

E incrível como esse lugar mexe comigo em todos os sentidos. Metéora éum lugar abençoado que merece ser respeitado e vistado com toda a calma do mundo.

Chegando em Atenas

Dois dias é mais que suficiente para conhecer esses dois lugares fantásticos. Primeiro Delfos, segundo Aráchova e por último Kalabaka.

Mapa do passeio de dois dias em Delfos e Meteora.

Horario dos mosteiros de Meteora

Tabela de horários de visitação dos Mosteiros de Meteora.

Vídeo completo do passeio.

Até a próxima pessoal! 🙂

Post anterior

Casamento em Santorini

Próximo post

Thiago Crocco em Creta

Virna Lize

Virna Lize

Sou brasileira e moro na Grécia desde 2008. Tenho como objetivo mostrar para todos que visitar a Grécia é possível, desde que tenha um bom planejamento. Organizo viagens para este maravilhoso país através de Roteiros Personalizados, além de oferecer serviço de Acompanhamento.

Comentários do Facebook


9 Comentários

  1. 29 de novembro de 2014 as 00:16 — Responder

    Uma delícia conhecer Delfos e Meteora sob o olhar da Virna,tão minuciosa,observadora e sensível.Delfos eu já conheci mas ainda falta Meteora.

  2. 21 de março de 2015 as 23:11 — Responder

    Fantástico !!!!
    Quero conhecer.

  3. Luiza
    13 de outubro de 2016 as 21:32 — Responder

    Estou planejando ir com minha filha em novembro uma viagem primeira à Grécia de Tessaloniki a Meteoros e de lá a Delphos, chegando depois em Atenas onde tanto o vôo dela como o meu partem. Apesar de dirigir , não gosto de alugar carro e tentar descobrir os lugares, sempre prefiro transporte público. Pelo que pesquisei de Meteoros a Delphos é complicado. Vc tem alguma ajuda a dar quanto a isso? Tenho 67 anos, assim que sou meio devagar.

    • Virna Lize
      22 de outubro de 2016 as 08:13 — Responder

      Ola Luiza
      Nao tem ônibus para Delfos, somente trem para Meteora.

  4. 3 de março de 2017 as 15:18 — Responder

    Sonho em conhecer Meteora e estou planejando realizá-lo no ano que vem, seu blog tem ajudado muito. Como é o acesso aos mosteiros?
    Obrigada e parabéns pelo blog.

    • Virna Lize
      6 de março de 2017 as 18:55 — Responder

      Ola Ines
      Para chegar ate la, somente de carro, ou excursão. Vale a pena!

  5. Dora
    3 de março de 2017 as 19:34 — Responder

    Oi Virna,
    Vou para Grécia em maio com duas amigas e quero conhecer Delfos. A ideia inicial era pegar uma excursão, mas além dos sítios históricos, quero visitar também o magnífico Museu de Delfos que pelo que andei pesquisando, nunca está incluído nesse tipo de passeio. Pergunto: o que vc acha de alugarmos um carro? estamos acostumadas a dirigir fora do Brasil, mas como é a sinalização nas estradas, em inglês ou só em grego? é perigoso dirigir nas estradas da Grécia? Parabéns pelo blog! Adorei todas as dicas!

    • Virna Lize
      6 de março de 2017 as 18:53 — Responder

      Ola Dora
      Super facil dirigir ate Delfos, pegue o gps pelo cel e vai ate la. Você vai amar!

      • Dora
        6 de março de 2017 as 21:11 — Responder

        Obrigada!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *