AtenasBrasileiros na GréciaDicas na GréciaExcursõesNafplioPasseio CulturalPasseio m Corintos e NáfplioServiços

Passeio em Corintos e Náfplio

Que tal fazer um belo passeio em Corintos e Náfplio? Faça seu orçamento enviando um email para umabrasileiranagrecia@gmail.com.  O passeio é exclusivo para cada cliente e super tranquilo!

Corintos - Sítio Arqueológico e Náfplio

Corintos – Sítio Arqueológico e Náfplio

Nosso passeio começa às 8hs da manhã na porta do hotel e vamos direto para o Canal de Corintos.
O canal de Corinto é um canal que liga o golfo de Corinto com o mar Egeu. Ele passa pelo istmo de Corinto, e separa a península do Peloponeso da parte principal da Grécia, e torna o Peloponeso efetivamente uma ilha.

Canal de Corinto

Canal de Corinto

O canal possui 6.3 km de comprimento, e foi construído entre 1881 e 1893. Torna a locomoção de barcos pequenos na região mais fácil, uma vez que elas assim não precisam dar a volta em cerca de 400 km, em torno do Peloponeso. Porém, por ter apenas 21 metros de largura, é muito estreita para cargueiros internacionais. O canal é atualmente usado principalmente por barcos turísticos: 11 mil barcos navegam pelo canal anualmente.

A primeira tentativa de construir um canal na região aconteceu no ano de 67, em uma tentativa realizada pelo imperador romano Nero, que ordenou a seis mil escravos a escavarem a região usando pás. No ano seguinte, Nero morreu, e seu sucessor, Galba, abandonou o projeto, por ser caro demais.

Sitio Arqueológico em Corinto

Sitio Arqueológico em Corinto

Do Canal, seguiremos para o Sitio Arqueológico de Corinto, um dos lugares mais importante na Grécia!Corinto foi uma das mais florescentes cidades gregas da antiguidade clássica, tendo sido autônoma e soberana durante o período arcaico da história da Grécia. Desde aqueles tempos, Corinto experimentou um notável desenvolvimento comercial devido à sua localização, o que trouxe benefícios sobre as artes (os seus famosos vasos de cerâmica) e a cultura de um modo geral, bem como a acumulação de riquezas pela aristocracia local. Contudo, no final dessa fase áurea, a pólis foi governada por um tirano denominado Cípselo, provavelmente entre 657 a.C. e 625 a.C., quando iniciou-se um curto período de expansionismo em que foram fundadas colônias no noroeste da Grécia. Mais sobre o Sítio clique AQUI.

Corinto é famosa por ter sido uma das cidades visitadas pelo apóstolo Paulo em suas viagens missionárias. Foi nela que escreveu a Epístola aos Coríntios. Mais sobre a visita do Apostolo Paulo clique AQUI.

Nafplio

Nafplio

Por fim, seguiremos para a Náfplio, uma cidade portuária, que se expandiu até as encostas perto da extremidade norte do Golfo de Argos. A cidade foi a primeira capital da Grécia em 1829-1834, com uma população de 20.000. Hoje é a capital da prefeitura de Argolis e da província de Nafplion. Seu nome em outras línguas é conhecida também como Nauplia, Navplion, Nauplio, Nafplion e Anapli. Esses nomes teriam sido em Inglês durante os períodos de Veneza e dominação otomana. Clique AQUI e conheça tudo sobre Nafplio.

Horário de chegada em Atenas, por volta de 20hs.

Convide seus amigos para a Grécia!

Até a próxima! 🙂

Post anterior

1 dia em Atenas com dicas do que visitar

Próximo post

João Pedro - Um brasileirinho especial na Grécia

Virna Lize

Virna Lize

Sou brasileira e moro na Grécia desde 2008. Tenho como objetivo mostrar para todos que visitar a Grécia é possível, desde que tenha um bom planejamento. Organizo viagens para este maravilhoso país através de Roteiros Personalizados, além de oferecer serviço de Acompanhamento.

Comentários do Facebook


4 Comentários

  1. Maria
    26 de março de 2016 as 22:17 — Responder

    Oi Virna!
    Tudo bem?
    Conheço há um tempo seu blog e virei fã,rs!
    Aos poucos conseguirei ler todas as postagens, rs.
    É muito legal poder conhecer a Grécia aos olhos de uma brasileira morando aí. Tenho uma curiosidade, você já mencionou que da Grécia para outros países europeus sai mais em conta. E para os países do Oriente Médio?
    Ouvi dizer que conhecer Turquia estando por aí também fica barato, é verdade?
    Agradecida, beijos e parabéns pelo Blog 🙂

    • Virna Lize
      2 de agosto de 2016 as 12:00 — Responder

      Ola Maria
      Sim, a Grécia comparada com outros paises da Europa e mais barata para se visitar.

  2. Edair
    4 de agosto de 2016 as 00:54 — Responder

    Olá Virna, estarei na Grécia a partir de 16 de setembro próximo e gostaria de contratar seus serviços como proceder? Edair Cescon

    • Virna Lize
      4 de agosto de 2016 as 08:37 — Responder

      Ola Edair
      Obrigada pelo contato. Te mandei um email agora.

      Att

      Virna Lize

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *