EspartaPeloponeso

Esparta

Esparta é uma antiga cidade da Grécia, situada no Peloponeso, na península do Eurotas. Foi a capital de Lacônia e uma das cidades gregas mais importantes, juntamente com Atenas e Tebas.

Virna Lize em Esparta

Virna Lize em Esparta

Esparta surgiu como uma entidade política no século X. a.C, quando os invasores dórios subjugaram a população local. Por 650 a.C., a cidade era como uma potência militar em toda a Grécia Antiga. Graças ao seu poder militar, Esparta era uma das cidades que levaram aos aliados gregos durante as Guerras Persas na primeira metade do século 5 a.C., entre 431 e 404. Esparta foi rival de Atenas na Guerra do Peloponeso, dos quais ela saiu vitoriosa pagando um alto custo. A derrota dos espartanos marcou o fim de sua hegemonia, embora mantivesse a sua independência política até a conquista romana da Grécia em 146 a.C. Em seguida, começou um longo período de declínio ,na Idade Média, quando os espartanos se mudaram para Mistra.

Virna Lize em Esparta

Virna Lize em Esparta

O que ver hoje na atual Esparta:
Mistras: Foi uma cidade fortificada em Morea (hoje Peloponeso) sobre o monte Taigeto, perto da antiga Esparta, na Grécia. Encontra-se a cerca de 8 km a oeste da atual cidade de Esparta.Mistras foi a capital da região de Morea, um principado vassalo do Principado de Acaia, estabelecido em 1205 através da conquista de Constantinopla durante a Quarta Cruzada chamado de Despotado da Moreia. Em 1989 as ruínas (da fortaleza, palácio, igrejas e monastérios) foram declaradas Patrimônio Mundial da UNESCO.
O Museu da Oliveira e do Azeite Grego em Sparta: Exibe a cultura e a tecnologia em torno da produção do azeite, um campo que está totalmente ligada à Grécia, e na identidade geral do Mediterrâneo. Único na Grécia, o Museu está localizado no coração de Lakonia, uma das principais regiões produtoras de azeitona em nosso país. Link do museu: http://www.oliveoilmuseums.gr/
Monumento do Leônidas : Leônidas I (em grego antigo: Λεωνίδας, significando “Filho de Leão) pertencia a dinastia ágida e foi rei e general de Esparta de 491 até a data de sua morte em 480 a.c., durante a batalha de Termópilas. Foi antecedido por seu pai ,o rei Anaxândrides II, e sucedido por seu filho Plistarco.
O Menelaion: Santuário construído na colina de Profeta Ilias, no sudeste de Esparta, situado na planície do rio Eurotas. De acordo com as escavações, a existência remonta 5 século  a.C e contém oferendas votivas para Helen, que estão em exposição no Museu Arqueológico de Esparta.
O Museu Arqueológico de Esparta: Foi projetado pelo arquiteto Katsaros, que afirmou ser “o primeiro Museu grego construído na cidade provincial (1874-1876)”. O estudo histórico de Esparta começa no final de 1720, quando Michel Furman (Michel Fourmont, 1690-1746), viajou ao redor da Grécia para estudar as inscrições, mas fazendo escavações arqueológicas. Em 1872, a Sociedade de Arqueologia enviou o arqueólogo Panagiotis Stamataki, para registrar os vários achados que foram espalhados em casas particulares e em toda a região. Dentro de dois anos, a coleção cresceu e se reuniram no pátio do colégio, eles se mudaram para o novo edifício do Museu Arqueológico.
A Acrópoles de Esparta: O extenso local da antiga Acrópole está localizado ao norte da cidade moderna. A Acrópole consistia na antiga Ágora Romana, Templo de Atena Chalkionos, o Teatro, a igreja do Cristo Sovoir, o edifício cíclico e os restos de muitos outros elementos. Ao visitar as ruínas da Acrópole, você ainda pode ver os vestígios da glória de Esparta.
Sitio arqueológico de Esparta: Em 1872, a Sociedade de Arqueologia enviou o arqueólogo Panagiotis Stamataki, para registrar os vários achados que foram espalhados em casas particulares e em toda a região. Dentro de dois anos, a coleção cresceu e se reuniram no pátio do colégio, eles se mudaram para o novo edifício do Museu Arqueológico.
O Santuário de Artemis Orthia : Sítio dedicado  nos tempos clássicos de Artemis, foi um dos locais religiosos mais importantes da cidade-estado de Esparta. O culto da Orthia era comum nas quatro aldeias de Eparta( Limnai, onde está situado, Pitana, Kynosoura e Mesoa).

Até a próxima! 🙂

Post anterior

Top 10 da ilha de Kefalonia

Próximo post

Mistras em Esparta

Virna Lize

Virna Lize

Sou brasileira e moro na Grécia desde 2008. Tenho como objetivo mostrar para todos que visitar a Grécia é possível, desde que tenha um bom planejamento. Organizo viagens para este maravilhoso país através de Roteiros Personalizados, além de oferecer serviço de Acompanhamento.

Comentários do Facebook


Nenhum Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *